Anúncio

Collapse
No announcement yet.

[AVALIAÇÃO] Nick Raider Agente da Homicídios #3: O Anjo Exterminador

Collapse
X
 
  • Filter
  • Hora
  • Show
Clear All
new posts

  • [AVALIAÇÃO] Nick Raider Agente da Homicídios #3: O Anjo Exterminador




    Roteiro: Michele Meda Arte: Eugenio Fiorentini, Giuseppe Sgattoni

    O corpo de uma atriz pornô é encontrado carbonizado. A Central de Polícia recebe uma carta anônima, feita com recortes, pela qual um suposto anjo exterminador, assumindo a autoria do homicídio, anuncia o início da sua Obra de purificação. Uma segunda jovem do mesmo ambiente é morta da mesma forma. A Divisão de Homicídios decide usar a bela agente Mary Ford para atrair o maníaco a uma armadilha, e uma atenta análise da carta indica a Nick e seus parceiros uma pista a seguir


    Publicação mensal
    Formato 16 x 21 cm
    96 + 4 páginas
    Lombada quadrada, miolo preto & branco
    R$ 26,90
    Distribuição nacional, comic shops e Mega Stores
    Mythos 2º série
    ---------------------------


    Mais uma história do Nick Raider, mais uma história besta. Na verdade, esta aqui melhorou sensivelmente em relação a primeira e segunda edição (na verdade, vendo os tópicos, lembrei que gostei da segunda, que por sua vez foi pior que esta, então está num desenvolvimento). Nick Raider como já dito é aquela "história de banheiro", sem maiores pretensões. Geralmente uma boa aventura policial. Aqui o tema é algo até recorrente nas histórias policiais: o assassino de putas.





    O "Anjo Exterminador" da história é um cara que mata as vadias. Como os policiais retratados são uns belos de uns manginas, Nick e sua trupe, eles ficam em polvorosa pra solucionar os crimes. Até aí tudo bem, a história segue uma narrativa burocrática, aí lá pro meio da história o Nick tem uma das IDEIAS MAIS IDIOTAS QUE EU JÁ VI NUMA HISTÓRIA POLICIAL. Saca só: o cara INVENTA de fazer com que a Mary, uma policial gostosa que o Nick de vez quem quando come (a última aparição que eu lembro e vi dela foi na história "O Estrangulador de Manhattan", publicada pela Record, essa sim, muito boa), inclusive com o Nick usando um artifício mesmo que utilizou nessa última aparição.



    "queima essas vadia tudo


    A DIFERENÇA AQUI é que na OUTRA HISTÓRIA o Nick AO MENOS TINHA UM SUSPEITO. O Nick SUSPEITAVA de um sujeito que fosse o estrangulador e improvisou uma armadilha pra ele. Só que aqui a "grande ideia" desse imbecil é fazer uma propaganda falsa da colega, divulgando em um jornal de grande circulação pra que o povo pense que ela é uma puta europeia. Ou seja, ele joga a isca pra TODA A POPULAÇÃO, esperando que a isca dê certo. Puta que me pariu, que gênio da raça esse Nick.



    ao invés de esperar o resultado da autopsia, Nick resolve pôr o seu plano idiota em prática: não importa se seja inútil, o importante é mostrar serviço


    Apesar disso, a leitura é bem legal. Diverte, e como dito, as histórias tem melhorado. Uma pena que ao escrever isso já sei que a revista está finada, mas se o leitor quer uma história policial legalzita cheia de clichês, temos a opção. História policial boa de verdade é só ler Julia Kendall - Aventuras de uma Criminóloga. Na arte, a dupla Fiorentini e Sgattoni fazem um trabalho memorável. Inclusive, se me lembro bem, trabalharam juntos na supra citada O Estrangulador de Manhattan.



    mulher lê gibi sim, amiguinho, pode acreditar

  • #2
    Re: [AVALIAÇÃO] Nick Raider Agente da Homicídios #3: O Anjo Exterminador

    Gostei deste título. Achei-o mais divertido do que débil dog.

    Enviado de meu SM-G955U1 usando o Tapatalk

    Comment


    • #3
      Re: [AVALIAÇÃO] Nick Raider Agente da Homicídios #3: O Anjo Exterminador

      Comment


      • #4
        Re: [AVALIAÇÃO] Nick Raider Agente da Homicídios #3: O Anjo Exterminador

        ok, o Nick Raider não é dos investigadores mais inteligentes. Medda não faz segredo em relação à identidade do assassino, a história não se baseia nesse tipo de mistério, mas ao revelar mais para o leitor que os protagonistas, acompanhamos o vilao sempre um passo à frente. Mas foca em brincar com as referências à filmes policiais, ou aparições de uma versão da atriz Ilona Staller, a Cicciolina que desde o fim dos anos 80 passou a atuar na política em paralelo aos filmes pornô.


        Comment


        • #5
          Re: [AVALIAÇÃO] Nick Raider Agente da Homicídios #3: O Anjo Exterminador

          Postado originalmente por prestogaudio Ver Post
          [...] ou aparições de uma versão da atriz Ilona Staller, a Cicciolina que desde o fim dos anos 80 passou a atuar na política em paralelo aos filmes pornô.
          boa sacada. Não sabia disso. E faz mais sentido ao perceber que o gibi é produzido na Itália

          É claro que o inteligentão que já sabia de tudo, luiaids, a ameba, vai dizer que já sabia e dizer que estava com preguiça de jogar pérolas aos porcos

          Comment

          Working...
          X