Anúncio

Collapse
No announcement yet.

[AVALIAÇÃO] Liga da Justiça da América #5: tá ruim, mas tá bom

Collapse
X
 
  • Filter
  • Hora
  • Show
Clear All
new posts

  • [AVALIAÇÃO] Liga da Justiça da América #5: tá ruim, mas tá bom



    As verdades sobre Makson e sobre sua família são reveladas… assim como os poderes sobre-humanos do selvagem jovem! E leia também: o início de mais um espetacular arco, A Maldição do Rei Carniceiro.


    (Justice League of America 9-10)


    Revista tradicional
    17 x 26 cm
    52 páginas
    Papel LWC
    Capa Couché, Lombada Canoa (Grampeada)
    R$ 7,50
    Distribuição Nacional
    ----------------------------------

    Vale dos Monstros (conclusão): na história que abre o gibi temos a segunda e última parte do arco que começou na edição anterior onde a Liga encontra um "Tarzan wannabe" no meio de um vale dos dinossauros que o tempo esqueceu. Ao regressar o tal do Markson descobre que a família dele, ou pelo menos parte dela, foi responsável pelo acidente que matou seus pais e o deixou no cu do mundo por anos. Quando o Markson vai ser medieval com esses filhos da puta, a Liga da Justiça aparece para impedir.





    Essa história foi uma bosta. O pior é que o filha de uma puta do Steve Orlando poderia ter criado algo realmente memorável, fazendo com que o tal Markson matasse geral ou que os responsáveis por matar os pais do Markson (fizeram por dinheiro e controle financeiro da empresa da família ) tivessem saído impunes e mostrando que até a Liga pode falhar. Mas não, os caras são presos MAGICAMENTE assim que a Liga aparece na área. Tomar no cu. A arte de Felipe Watanabe também é uma bosta.





    Rei Carniceiro - Parte 1: aqui começa uma história um pouco mais interessante, mas igualmente bostejada. Na cidade natal do Ray, Vanity, a cidade mais depressiva da América, aparece um cara vindo da puta que pariu retirando os SONHOS REALIZADOS DAS PESSOAS????!?!






    Bicho, que porra de mote mais IMBECIL é esse? "Os sonhos das pessoas realizados aí aparece o Rei Carniceiro para tirar esses sonhos". Aí a cidade é DEPRESSIVA por causa disso, o que é de se entender. Mas não é como se o cara fosse lá e roubasse o dinheiro da aposentadoria de alguém. Ele realmente é CONTRA OS DESEJOS, então se você sonha com um omnibus do Desafio Infinito, e por algum motivo ele chega na sua casa, o Rei Carniceiro vai lá e rasga o gibi na sua frente. É pra ser metafísico isso?



    a cara do Lobo é a melhor


    O gibi ainda vai e me bota a porra dum discurso do Ray falando losna com o tal do Carniceiro, eu hein? É tudo uma metáfora sobre SONHOS NÃO REALIZADOS! Num gibi bosta da Liga da Justiça. Agora sabe o que é pior? EU TÔ GOSTANDO, mas eu tô gostando é das interações dos personagens na história. Um fala com o outro, Ray fala com o Lobo, Nevasca e Atómo conversam e pode até rolar um relacionamento. São as interações entre os personagens, ausente no título principal da Liga, que me deixa satisfeito com esse gibi. Sim, eu me contento com pouco. A arte de Andy MacDonaldo achei a melhor até agora desde a saída do Ivan Reis na primeira história do gibi.



    essas interações com os personagens merdas pra mim são o charme do gibi


    Acho que "gostar" é uma palavra muito forte pra se usar aqui, digamos que acho interessante. Eu estava procurando uma imagem hilária que mostra o Lobo criança, mas não achei. A história já concluí na próxima edição e começa uma nova. Tem que andar rápido antes que o leitor perceba que tá lendo merda.

  • #2
    Re: [AVALIAÇÃO] Liga da Justiça da América #5: tá ruim, mas tá bom

    Postado originalmente por Pato_Osborn_Olsen Ver Post
    A arte de Andy MacDonaldo achei a melhor até agora desde a saída do Ivan Reis na primeira história do gibi.
    Quer dizer que Ivanzaço só desenhou a PRIMEIRA história?

    Isso que é isca pra pegar trouxa.

    Comment


    • #3
      Re: [AVALIAÇÃO] Liga da Justiça da América #5: tá ruim, mas tá bom

      Postado originalmente por Cabral Ver Post
      Quer dizer que Ivanzaço só desenhou a PRIMEIRA história?

      Isso que é isca pra pegar trouxa.
      Ele também desenhou quatro das seis partes do arco "Crise no Microverso", que começa na próxima edição. Só depois disso é que ele pulou fora do título para desenhar as primeiras edições de The Terrifics.

      Comment


      • #4
        Re: [AVALIAÇÃO] Liga da Justiça da América #5: tá ruim, mas tá bom

        Tá ruim mas tá bom é a definição perfeita pra esse gibi desde a primeira página. Eu leio e penso "legalzin" e meio segundo depois esqueci completamente o que tava lendo.

        Enviado de meu SM-J530G usando o Tapatalk

        Comment


        • #5
          Re: [AVALIAÇÃO] Liga da Justiça da América #5: tá ruim, mas tá bom

          Legalzin é achar uma nota de 5 reais na calçada. Essa série é um cocô e só vai ter a primeira edição inofensiva la pelo meio dessa saga q ta pra começar no Microverso.
          AS AVENTURAS DE DÃOZINHO NO LIMBO DOS GIBIS BISONHOS (OU NÃO)!!!

          http://gibiruim.blogspot.com.br/

          Comment

          Working...
          X