Anúncio

Collapse
No announcement yet.

[Avaliação] Trillium

Collapse
X
 
  • Filter
  • Hora
  • Show
Clear All
new posts

  • [Avaliação] Trillium



    No ano 3797, a botânica Nika Temsmith trabalha com pesquisa de espécies incomuns numa remota estação espacial na área mais afastada do espaço colonizado. Enquanto isso, em 1921, o renomado explorador inglês William Pike lidera a expedição nas florestas do Peru em busca de um templo perdido dos Incas. Ainda que estejam tão distantes um do outro, eles irão se encontrar.
    Gibi de ficção científica pesada, a história já te pega desde o começo com um mistério que você fica se perguntando onde aquilo vai dar, de repente o gibi da um salto de 180 graus, essa parte não sei se foi uma ideia tão boa do Lemire, mas ok, aqui temos também uma maneira diferente de ler a hq, interessante. O final é bonito

    Eu achei o gibi bem legal, mas a história é estranha e confusa, nem tudo tem explicação. História para ler e reler.

  • #2
    Re: [Avaliação] Trillium

    Vi na banca e fiquei na duvida se comprava...

    Comment


    • #3
      Re: [Avaliação] Trillium

      14x melhor que nada a perder.

      As personagens são MUITO melhores.

      Belíssima técnica narrativa e a arte casou muito bem.

      Vale a compra.

      Enviado de meu SM-G955U1 usando o Tapatalk

      Comment


      • #4
        Re: [Avaliação] Trillium

        Lemire é foda e Trillium é mais um dos excelentes gibis que ele escreveu!

        Curti demais toda a história de ficção científica com romance que o cara desenvolveu. E pra melhorar o cara ainda brinca com o gibi pra contar a história.

        Achei duka as partes que ele mostra as duas passagens de tempo na mesma página!

        Gibizaum, a trama é tão interessante e o gibi é tão bom de ler que vc lê numa tacada só sem necessitar de pausas

        Comment


        • #5
          Re: [Avaliação] Trillium

          Colando aqui minha opinião sobre Trillium (e Nada a perder) que deixei postada no tópico desta:

          Achei muito boa. A história me lembrou um pouco de stargate com interstelar (pelas linhas temporais que se cruzam)
          Achei que a parte gráfica está muito boa. Muito criativa a forma que o Lemire usou de conectar as linhas temporais tendo até aquelas maluquices de ponta cabeça, sem contar que a aquarela dele está linda.
          Achei a história um tanto instigante, bem curiosa no início, aí pro meio achei que foi ficando morno até que ele amarrou tudo no final de forma linda, mas linda mesmo. A minha interpretação do final [SPOILERS DAQUI PRA FRENTE] é que Trillium se trata de uma história de amor. Onde no final o casal ultrapassou as barreiras do espaçotempo e realidade para ficar juntos. Curioso aqui que bate inclusive com minhas crenças pessoas, num sentido de expansão de consciência e microcosmos no macrocosmos. Mas voltando ao gancho final da história. A história de amor onde eles expandiram a consciência tal qual cada personagem foi apoiar seu amado(a) em seus momentos mais dificeis, o cara apareceu pra Nika quando ela estava sozinha no espaço após perder a mãe, e ela por sua vez apareceu quando ele estava desolado no front, por fim as duas almas se juntaram [ver penúltima página] tal qual aquela entidade bizarra e alguém menciona no inicio da historia de que no início homem e mulher era uma coisa só e cm a evolução da espécie humana que se separaram em dois seres, e os dois juntos então voltam pra essa essência cósmica primordial, além de expandirem a consciência que afetou até pessoas como a menina sobrevivente do virus lá, como vimos na última página da hq. Isso tudo é interpretação minha, se alguém souber se o Lemire disse isso mesmo em alguma entrevista eu adoraria saber. Mas o fato é que achei Trillium um gibizão do caralho, e achei Nada a perder melhor ainda. O drama do Derek pode estar batido pra quem já leu soldados subaquático e as 600 páginas de condado de essex, mas pra mim o drama dele bateu forte no meu estômago. Nada a perder poderia estar dentro da hq o condado de essex e seria um dos melhores capitulos da hq.

          Mas pra não ficar só no Control C + Control V, pergunto aqui, alguém de vocês pegou aquele alfabeto alien do final e voltou pra traduzir as falas da hq?
          Vendo e compro alguns quadrinhos, quer ver a lista? É só clicar http://www.mbbforum.com/mbb/showthre...48#post4071048

          Comment


          • #6
            Re: [Avaliação] Trillium

            Gostei muito também, especialmente por não ser uma série loooonga que tem que ficar anos acompanhando. Certas histórias podem ser contadas em 100 ou 200 páginas apenas, e essa é uma delas.

            Comment


            • #7
              Re: [Avaliação] Trillium

              Belíssima história de amor, tendo a ficção científica por pano de fundo. Aqui a arte de lemire cai muito bem.

              Realidades alternativas, viagens temporais, redenção, altruísmo, religião, povos antigos, ameaças universais, solidão, sentimentos inexplicáveis... vale muito conferir.

              Enviado de meu SM-G955U1 usando o Tapatalk

              Comment


              • #8
                Re: [Avaliação] Trillium

                Muito boa, e realmente é uma história de amor num contexto de ficção cientifica com direito a viagem espacial, viagem no tempo, paradoxos, ameaça de extinção, etc. A arte do Lemire caiu muito bem na história.
                Gostei tanto que até fiquei usando o alfabeto que tem no final pra traduzir algumas falas haha

                Mas confesso que fiquei bem curioso pra saber no que ía dar o plot inicial com o lance dos Trillium como "cura", que depois fica deixado de lado...

                Comment


                • #9
                  Re: [Avaliação] Trillium

                  Postado originalmente por DriFerro Ver Post
                  Muito boa, e realmente é uma história de amor num contexto de ficção cientifica com direito a viagem espacial, viagem no tempo, paradoxos, ameaça de extinção, etc. A arte do Lemire caiu muito bem na história.
                  Gostei tanto que até fiquei usando o alfabeto que tem no final pra traduzir algumas falas haha

                  Mas confesso que fiquei bem curioso pra saber no que ía dar o plot inicial com o lance dos Trillium como "cura", que depois fica deixado de lado...
                  O que você conseguiu traduzir?

                  Enviado de meu SM-G955U1 usando o Tapatalk

                  Comment


                  • #10
                    Re: [Avaliação] Trillium

                    Eu não senti necessidade de tradução porque nas falas alienígenas tem umas palavras soltas e com elas meio que dá pra pegar o contexto. Ou não.
                    Vendo e compro alguns quadrinhos, quer ver a lista? É só clicar http://www.mbbforum.com/mbb/showthre...48#post4071048

                    Comment


                    • #11
                      Re: [Avaliação] Trillium

                      Também não quis; mas, se alguém fez, bacana.

                      Enviado de meu SM-G955U1 usando o Tapatalk

                      Comment


                      • #12
                        Re: [Avaliação] Trillium

                        Já comprei o meu, tá na pilha. Tirando o Hellblasé, só compro encadernado de banca assim agora, de séries bem curtinhas.

                        Comment


                        • #13
                          Re: [Avaliação] Trillium

                          Orra, parabéns pra quem traduziu as falas dos Aliens Não achei necessário traduzir pra descobrir o que falaram, apesar de eu ter ficado com vontade (mas a preguiça + cansaso me impediram ), achei duka o Lemire ter se dado ao trabalho de pedir/contratar alguém para criar um "idioma/linguagem" para os Aliens!

                          O que mais fico indignado é que vi uns comentários (do youtube) de nego que nem leu a história falando que se arrependeu de ter comprado porque a arte é feia e que tinha páginas zoadas (fazendo menção a parte que o Lemire brinca com o gibi)

                          De longe, a melhor coleção de todas: Coleção graphic novels by Lemire

                          Comment


                          • #14
                            Re: [Avaliação] Trillium

                            Postado originalmente por Scarzyx Ver Post
                            Orra, parabéns pra quem traduziu as falas dos Aliens [emoji38] Não achei necessário traduzir pra descobrir o que falaram, apesar de eu ter ficado com vontade (mas a preguiça + cansaso me impediram [emoji38]), achei duka o Lemire ter se dado ao trabalho de pedir/contratar alguém para criar um "idioma/linguagem" para os Aliens!

                            O que mais fico indignado é que vi uns comentários (do youtube) de nego que nem leu a história falando que se arrependeu de ter comprado porque a arte é feia e que tinha páginas zoadas (fazendo menção a parte que o Lemire brinca com o gibi) [emoji38]

                            De longe, a melhor coleção de todas: Coleção graphic novels by Lemire [emoji38]
                            Foi bacana mesmo.

                            E, pqp: que gente ignorante.

                            Enviado de meu SM-G955U1 usando o Tapatalk

                            Comment


                            • #15
                              Re: [Avaliação] Trillium

                              Trazer minha opnião de Trillium pro tópico certo como os amigos. Talvez uns comentários fiquem meio fora de contexto porque foi no seguimento da discussão de Nada a Perder e do Lemerismo em geral.

                              Acabei de ler e gostei muito de Trillium.

                              A primeira edição, algo dos personagens me lembrou Bilal em Trilogia Nikopol, engraçado que nas edições eguintes já não achei isso. Não sou grande fã da arte do Lemire em si, reconheço a relevância dela em alguns contextos específicos, como comentei sobre Soldador. Aqui nessa temática de ficção científica eu certamente me agradaria com um traço diferente.

                              Mas tem uma habilidade a mais na composição geral de algumas edições, fazer efetivamente uma narrativa gráfica, como o "palíndromo" da 5 edição, um dos pontos altos pra mim. Muitos de vocês enxergaram essas qualidades dele em vários momentos de Nada A Perder, por ex.

                              E falando em Ficção Científica ele tangenciou vários temas do gênero, steampunk, universos paralelos, apocalipse a caminho, questão ambiental (ok, bem de leve). Mas não vai a fundo em nenhum deles, aí concordo com Muberen, na verdade é uma história de amor num contexto sci-fi, o que é ótimo aliás, afinal ninguém é obrigado a fazer histórias dessas temáticas especificamente, pode perfeitamente só utiliza-las num plano geral e ter a história correndo.

                              Aqui Lemire entregou o que eu mencionei mais atrás como ponto negativo pra Nada a Perder, tem história, personagens servindo a história e não uma história menor ou sem importância servindo a representação dos personagens (e suas emoções).

                              Das estratégias que ele usa pra sobreposição dos "universos" distintos dos personagens afora as de estrutura, as que narram na arte, achei bem interessante o que ele faz com a linguagem, a questão de não conseguirem se entender na fala etc.

                              E por mais que haja um enfoque temporal pra demarcar os diferentes momentos dos personagens eu acho que aqui não se trata de forma alguma de viagem no tempo ou coisa do tipo.

                              O final realmente é bem amarrado e muito bonito, mas não consigo deixar de achar que uma arte por assim dizer, "menos desleixada" teria entregue um resultado final mais bonito. Mas ainda assim são bem interessantes os quadros grandes que amarram o fim da história.

                              Ah complementando na linha ainda do comentário do Muberen, lembrei de Interstelar também, e lembrei de The Fountain
                              Let´s put a smile on that face!!!

                              Comment

                              Working...
                              X