Anúncio

Collapse
No announcement yet.

[AVALIAÇÃO] Tex #595 - A Última Vingança - O GIBI COMEMORATIVO QUE NÃO CELEBRA PORRA NENHUMA

Collapse
X
 
  • Filter
  • Hora
  • Show
Clear All
new posts

  • [AVALIAÇÃO] Tex #595 - A Última Vingança - O GIBI COMEMORATIVO QUE NÃO CELEBRA PORRA NENHUMA



    A ÚLTIMA VINGANÇA

    Texto: Mauro Boselli * Desenhos: Giovanni Ticci

    Kit Willer salva um rapaz pima que estava sendo perseguido dentro da reserva navajo. Quando eles chegam na aldeia, Tex percebe que o rapaz é filho de um antigo conhecido seu dos tempos em que ele era um peão de rodeio, e do qual tomou o título de campeão em vários competições, criando uma grande rivalidade entre Tex e Moss Keegan, o agora pai do rapaz. Após contar a história daqueles tempos gloriosos, os pards saem para ajudar Moss, que agora vive na aldeia pima e está sendo atacado por um inescrupuloso criador de gado.


    Formato 13,5 x 17,6 cm
    116 Páginas
    Preto & Branco
    R$ 11,90
    Distribuição nacional

    -----------------------------------------------


    Rapaz, fazia um tempo que não comprava um gibi do Tex e é sempre bom voltar a ler as histórias do velho cowboy. A história aqui apresentada é PERFEITA pra quem não conhece e quer conhecer Tex: preço módico em comparação a outras publicações e com a qualidade que é habitual, EXCELENTES desenhos de Giovanni Ticci e uma história divertida e engajante.







    O mais legal desse gibi é que além de ser uma HISTÓRIA FECHADA, o que já é motivo pra quem quer conhecer o personagem, embarcar, ainda por cima a história tem o requinte de PASSAR POR VÁRIAS FASES DO MESMO, como o Tex fora da lei, o Tex rancheiro, o Tex mercenário/agente da lei e a fase atual de Tex véio e líder de reserva indígena. Começa com um índio mestiço sendo caçado por homens brancos (talvez o único gibi atualmente que pode colocar o "homem branco" como maligno e não ser tachado de "incell" ou "feministo" ou "CUCK" por causa disso) e entrando na reserva dos najavos onde o Tex é o cacique. Lá ele é salvo por Kit Willer, filho de Tex, e outros amigos índios e descobre que o perseguido é filho de um antigo conhecido de Tex, Moss Keagan, com quem teve uma rivalidade que culminou em emboscada, tudo narrado por Tex em forma de flashback.







    Até aí beleza, história batutinha de Tex e bem estruturada. A única DECEPÇÃO vai para a Mythos que publicou esta edição, uma edição comemorativa pelos 70 anos do personagem, e quando na Itália foi publicada originalmente em cores, como pode ser visto pelas imagens, aqui no Brasil foi publicado como mensal comum, mesmo a edição em formato italiano, comercializada por encomenda e com o DOBRO do preço da edição normal! Não digo que a Myjus fez um "um trabalho porco", mas que é uma brochada a porra do gibi que foi feito em cores lá fora, para comemorar os setenta anos, seja publicado aqui de forma como se fosse "qualquer coisa", triste isso, mas reflexo dos tempos de retranca econômica que vivemos. Até certo ponto, compreensível, mas achei isso um cocô. Afora isso, bom gibi. Perfeita porta de entra para neófitos que queiram embarcar nas aventuras do Tex. Um pouco tarde falar isso agora TRÊS MESES depois da publicação do gibi, mas é a vida.



Working...
X