Anúncio

Collapse
No announcement yet.

[AVALIAÇÃO] Capitão América #10 - Guerra Civil II

Collapse
X
 
  • Filter
  • Hora
  • Show
Clear All
new posts

  • [AVALIAÇÃO] Capitão América #10 - Guerra Civil II




    A Guerra Civil II causa distração suficiente para que o Capitão América Steve Rogers dê andamento aos seus esquemas sinistros com a ajuda do doutor Erik Selvig! E já que o assunto é a guerra, Sam Wilson percebe que precisa se desdobrar em mais de um front para proteger os inocentes!


    (Captain America: Sam Wilson 11, Captain America: Steve Rogers 4)


    Revista Tradicional
    Formato 17x26 cm
    60 páginas
    Papel LWC
    Capa Couché, Lombada Canoa
    R$ 8,20
    Distribuição Nacional
    -------------------------------


    Capitão Hidra: coisa que SÓ A PORRA acontece nesse gibi! Como revelado na edição anterior, o Capitão na verdade salvou o Dr. Selvig e aqui é revelado porquê, pra encontrar a Kobiki, que ele já sabe onde tá ( ), nisso ainda temos Maria Hill sapateando na cara dos contribuintes e ainda pedindo mais poder (engraçado que na época do Bush o "Reinado Sombrio era justamente uma crítica aos "Atos Patrióticos" do Governo Bush que reduzia as liberdades civis só que aqui é posto como algo a ser defendido com direito a carteirada do Capitão América pela Sharon - um Capitão nazista ainda por cima, a conferir), Rick Jones se aproveitando da vulnerabilidade da Redentora pra tirar uma lasquinha e Treinador CSI. Ainda tem coisas que ficaram de fora, mas parágrafo grande é coisa de livro de faculdade. Javier Pina e Miguel Sepulveda fazem uma boa dobradinha.



    Capitão América contra a febre amarela


    Capitão Falcão: a história do cara que se tornou super-herói pra ficar em cima do muro. Nem faz o trabalho dele e nem ajuda a comunidade. É o herói "nem nem". Homem de Ferro e Capitã Marvel deviam é fazer questão de NÃO TER esse merdão do Sam Wilson na sua fileira. Sou muito mais o Rage que deu a cara a tapa ou o Agente Americano ao final da edição. Todos eles foram mais heroicos e carismáticos do que o Sam Wilson no gibi inteiro. Acuña é bom na arte, mas quando vai fazer ação se caga todinho.



    Pau neles, Rage!


    Nota: Mark Gruenwald ganhando dinheiro por palavra escrita no roteiro
Working...
X