Anúncio

Collapse
No announcement yet.

[AVALIAÇÃO] Os Vingadores #10 - Vertentes Parte 4: os Vingadores se libertam..., e + KAIJU TRUMP!

Collapse
X
 
  • Filter
  • Hora
  • Show
Clear All
new posts

  • [AVALIAÇÃO] Os Vingadores #10 - Vertentes Parte 4: os Vingadores se libertam..., e + KAIJU TRUMP!




    A outrora pacífica e segura Pleasant Hill não existe mais! Em seu lugar, agora só existe anarquia e destruição causadas pelos vilões que descobriram a farsa arquitetada por Maria Hill. Mas como é que Kobik reagirá a isso e aos Vingadores, que voltaram à ativa? E quando tudo parece perdido, Deadpool faz a sua parte para salvar a pátria! Os Novos Vingadores se envolvem numa briga com direito a monstro e robô gigante!


    (All-New All-Different Avengers 8, New Avengers 9-10)


    Revista Tradicional
    Formato 17x26 cm
    76 páginas
    Papel LWC
    Capa Couché, Lombada Canoa
    R$ 9,40
    Distribuição Nacional
    -------------------------------------

    Os Vingadores - Vertentes: na verdade, esta seria a parte 5, uma vez que começou em Vingadores #8, continuou em Capitão América #4, aí depois no mês seguinte em Vingadores #9 a parte 3, pra que no mesmo mês tivemos Capitão América #5 com a parte 4 e esta, aí sim, seria a parte 5, para concluir na já nas bancas e tópico vindouro de Capitão América #6. Pronto! Taí um guia de leitura que nem a editora se preocupou em publicar para essa saga estrambólica, cansativa e enfadonha (mais para um crossover) para uma ideia até boa, mas com soluções e conclusões imbecis!



    Adam Kubert pouco se fudendo pra porra nenhuma


    Nesta parte os heróis que passaram menos de uma edição transformados em pessoas comuns em Pleasantville, já tomaram conhecimento de quem são e agora a luta é para conseguir as roupas e poderes de volta. Porque em heróis como Homem-Aranha, Kamala Ku, Mercúrio, Vampira, Visão, Tocha Humana e Doutor Vudu, e em imbecis tipo Deadpool, eles precisam DAS ROUPAS DELES a fim de terem seus poderes funcionando plenamente. Sem o uniforme aparentemente os Vingadores são uns bostas.



    Kobik: você vai ver mais dessa muleta para roteirista..., quer dizer, personagem, por muito tempo


    A alteração dos Vingadores em pessoas comuns e sem saber quem são foi um SHANANIGAN interessante para colocar os personagens na mesma situação que os vilões capturados estavam. Porém, PRA QUE OS VILÕES FORAM CHAMAR OS HERÓIS PRO PAU PRA COMEÇO DE CONVERSA? Nas primeiras partes do gibi não uma, mas DUAS MARIA HILL FAKE aparecem para chamar os Vingadores para Pleasanthill. Só que os Vingadores não tinham NADA A VER com o caso, e para o sucesso do plano de quem orquestrou a fuga em massa, Barão Zemo, TERIA SIDO MELHOR SE NÃO TIVESSEM DUAS EQUIPES DE VINGADORES NO LOCAL PARA ATRAPALHAR, afinal, fora os Vingadores, Capitão América Falcão, Steve Rogers e Soldado Invernal já estavam no local por motivos próprios.





    Desse modo, o Zemo estaria livre, leve e solto para dizimar as forças da SHIELD e poderia concentrar sua força toda para dar um pau em Soldado Invernal, Capitão América e Steve Rogers, mesmo depois de ter permitido aquela fanfarronice de deixar o Steve velho zanzando por Pleasantville como visto em Capitão América #5. Ao ler a história, ela é agradável, bem divertida e diria até mesmo boa(zinha), mas quando se para pra pensar é CHEIA DESSAS IDIOTICES que os autores sequer estavam preocupados em fazer funcionar direito e o importante era o espetáculo da ideia de transformar e destransformar heróis e vilões. Essa tal de Kobik foi introduzido logo no começo do run do Nick Spencer em Capitão América e pra mim é óbvio que a ideia é toda dele e aprovada por editores imbecis (para as futuras merdas que vão acontecer...). Só que esse crossover bunda tá me cheirando a pura exigência editorial cretina, só para colocar os personagens em determinado ponto ou status. Adam Kubert com seus desenhos de qualidade de pouco mais do que lay outs só corrobora com a ideia de que não está dando uma pica pra isso tudo.





    Novos Vingadores: às vezes uma piada é só uma piada. É uma ideia imbecil que alguém solta por aí, fala que é legal, dá umas gargalhadas de algo que parece que saiu de algum tumblr do tipo Comics Out of Context ou algo assim, geral dá umas risadas e bola pra frente. O que eu quero dizer com "bola pra frente" é que as piadas exageradas são deixadas de lado e o escritor profissional faz algo que seja relevante para a história e continua com sua trama. Infelizmente a gente vive numa época de pós-modernismo barato, onde coisas assim começam a ficar mais frequentes e o povo em geral começa a dar mais valor para coisas efêmeras, que podem ser utilizadas em uma página de rede social em busca de "likes e teewtis", a gente veve numa época assim, que o contexto não está mais importante, o que importa é o impacto, como se estivéssemos presos em uma cadeira, cagando e mijando nossos nutrientes apenas motivados por aquela injeção de dopamina, a substância que dá prazer ao cérebro, constantemente para o nosso contentamento, mesmo que tenha um tubo enfiado dentro de nosso cu.



    Podem postar no feice ou no teetis de vocês agora, em busca daquele joinha ou like na foto para dar aquela injeção da boa e velha dopamina que todo mundo precisa


    Nesta história a SHIELD, sabe lá porquê, decide invadir a IMA porque considera os vilões, mesmo que seja a porra dum EX-VINGADOR com OUTROS VINGADORES que tomam conta da boresta. Ao longo do gibi corre a trama de que esses Vingadores salvaram o rabo do Rick Jones, agora Sussurrante porque precisava de alguma relevância, porém o Rick não confia neles porque eles são IMA. Só que pra esse danado do Roberto DaCosta, um brasileirinho, uma ilha é muito pouco, então é claro que tem um plano B pra levar tudo para outra instalação. E se tem um kaiju é claro que tem um supersentei guiodai





    O pior de tudo é que não é uma história ruim. É só banal. Por exemplo, pra quê? Pra que isso? Pra imitar animê? Pra dar umas risadas? Pra gerar tuítes e likes? Aparentemente é o caso. E mais pior ainda é que por incrível que pareça, essa equipe do Al Ewing é a coisa MAIS PARECIDA com Vingadores que temos hoje em dia, já que se trata de uma equipe situada em uma grande instalação que entre uma aventura e outra precisam lidar uns com os outros. Teve membro na equipe que na edição anterior foram EXPULSOS por não concordarem com a missão ou a posição do grupo. Isso é muito Vingadores. Uma pena o Al Ewing continuar com seus vícios, do tipo caixas de texto engraçarolhas e histórias retardadas, como esta.



    "Aikku-Chan, eu gosto de você, minha waifu" - gibi cada vez mais parecido com um mongá


    Nunca vi um gibi que tenha um monstro gigante e um robô gigante lutando fosse tão "méh" quanto esse aqui. Ainda é um bom gibi, mas mal e porcamente aqueles mesmos que querem sua dose de dopamina postando fotos aleatórias do gibi em busca de emojis e retuítetas irão PAGAR por uma losna dessas, uma história que parece que foi escrita por um retardado. O grande conflito real do gibi é se o execrável Rick Jones confia ou não nos Vingadores INMA. Gavião Armeiro de rola, super consternado com isso, resolve sair no pau com os agentes da SHIELD. Eu acho impressionante como o Gavilixão Paulistano tende a SE VOLTAR contra a organização que dá dinheiro pra ele, e ao mesmo tempo quantas esses Gavião Cuzão SE VOLTA contra essa mesma organização. O mesmo pode ser visto na nova série do personagem fazendo o mesmo, onde o Gavião continua sendo um merderoso.



    Gavião Arcu, disposto a dar porrada em agentes da SHIELD (para depois pedir salário a eles)


    Na arte temos Marcus To que faz um trabalho... qualificável. Se antes os garranchos de Raphael Sandoval comprometiam até mesmo o entendimento do gibi (mas que estranhamento combinava com seu estilo...), aqui temos uma arte limpa, funcional e algumas vezes pode se dizer que até bonita. O pior que o estilo dos dois lembram muito de mongás. Então realmente, esses Novos Vingadores são uma tentativa de fazer um grupo de mongás dos Vingadores. Por isso que é essa bosta. A edição da Panini está ok, com capas originais no miolo (menos a melhor, do Ross, utilizada como principal) e um poster no recheio da edição, também com arte de mongazeiro. O que se destaca certamente é a tradução de alguns termos:




    Deve ser um termo militar

  • #2
    Re: [AVALIAÇÃO] Os Vingadores #10 - Vertentes Parte 4: os Vingadores se libertam..., e + KAIJU TRUMP

    rolou o MIMIMI mesmo ?

    Gibi TÓXICO

    Comment


    • #3
      Re: [AVALIAÇÃO] Os Vingadores #10 - Vertentes Parte 4: os Vingadores se libertam..., e + KAIJU TRUMP

      Retirado do hotsite oficial da Panini dos Vingadores a página em português

      http://hotsitepanini.com.br/vingador...ngadores-10-2/

      Comment


      • #4
        Re: [AVALIAÇÃO] Os Vingadores #10 - Vertentes Parte 4: os Vingadores se libertam..., e + KAIJU TRUMP

        conseguiu problematizar um gibi sobre um robô gigante lutando com um monstro

        parabéns aos envolvidos
        fotografia é desenho de luz

        Comment

        Working...
        X