Anúncio

Collapse
No announcement yet.

[AVALIAÇÃO] Capitão América #1 - NOVA REVISTA MENSAL. Capitão América Sam Wilson - FALCÃO OU URUBU?

Collapse
X
 
  • Filter
  • Hora
  • Show
Clear All
new posts

  • [AVALIAÇÃO] Capitão América #1 - NOVA REVISTA MENSAL. Capitão América Sam Wilson - FALCÃO OU URUBU?



    Desde que Sam Wilson se tornou o Capitão América, ele ainda não tinha se dado conta do fardo que teria de carregar ao adotar a identidade da Sentinela da Liberdade – pelo menos não até agora! O mundo continua a enfrentar os exatos mesmos problemas da época em que Steve Rogers empunhou o escudo pela primeira vez, mas com um sério agravante: se você não segue a cartilha à risca e acha que pode dizer tudo o que pensa, corre o risco de se tornar um pária, alvo de zombaria ou, quem sabe, até ser caçado por seus antigos amigos!

    (Captain America: Sam Wilson 1-2)


    Revista Tradicional
    Formato 17x26 cm
    52 páginas
    Papel LWC
    Capa Couché, Lombada Canoa
    R$ 7,20
    Distribuição nacional
    -----------------------------------------


    Bem amigos do fórum, cá estou eu fazendo tópico de outra mensal que geral leu """""""""""""""'importado"""""""""""", é um gibi muito foda, alicerce das fundações que virão a serem formadas no Universo Marvel, Nick Spencer, sempre acreditei, mas que tem MESES que nenhum filha da puta se prontificou a tirar 10 reais do bolso pra "pagar pra ver" e escrever sobre o que achou da revista. Sem mais delongas, vamos ver como o gibi solo do Capitão Sam Wilson se saiu.


    not impressed


    O gibi começa de forma inusitada com o Capitão pegando "voo comercial" como um dos passageiros o indaga, causando emoções conflitantes, hora de euforia e hora de indiferença, ou vai ver que a aeromoça aí acima era só racista mesmo. Acontece que o filha da puta do Nick Spense não consegue decidir em qual tempo vai formar a história, e opta por uma narrativa não linear filha da puta, que apesar de parecer confusa, até que funciona, com vários flashbacks acontecendo ao mesmo tempo, de como ele lutou contra o Ossos Cruzados, fez um anunciado a nação e foi visitar um parente pra ajudar com outra treta contra os Filhos da Serpente que já é de outro flashback. Colocar flashback assim sem mais nem menos é um mal sinal sobre o futuro do roteiro...





    A primeira edição americana assim é conflitante igual a própria situação do gibi: ninguém sabe se é bom ou ruim, se gosta ou não gosta. Foi um amontoado de acontecimentos sem muita relação entre si, exceto pela reação da opinião pública. Pra se ter uma ideia, essa primeira parte "quebra" no meio do flashback com a chegada do Comandante Rogers impedindo o Capitão América de atacar os Filhos da Serpente.



    Desde que virou Capitão América, Sam é chamado para várias Paradas Gay e não sabe porquê


    A segunda parte já é mais um pouco coesa, com o final do IMBRÓGLIO envolvendo os Filhos, e afinal de contas, o motivo do desligamento de Sam da Shield: a preparação de um Cubo Cósmico "caseiro" pela Shield. Se quando o Doutor Destino pretende algo assim os Vingadores e Quarteto iam impedir o cara, imagina com esses incompetentes da Shield fazendo o mesmo?





    Capitão América fica na cola de quem forneceu armamento tecnológico para os Filhos da Serpente e acaba lutando contra um inimigo que virou amigo para ser inimigo de novo agora. De saco cheio das ordens que precisa obedecer e da responsabilidade do cargo de Capitão América, Sam vai até o Arizona para falar com o irmão (é preciso várias páginas pra esse precioso flashback já que Sam não sabe o que é whatsapp), o que já foi mostrado. De saco cheio das opiniões e comentários da galera do avião, Sam saca o teleportador do Filho da Serpente e sai voando.






    Rapaz, esse gibi precisa se encontrar urgentemente. É tanta coisa acontecendo ao mesmo tempo que quero ver como o Spencer vai trabalhar todos esses plots ao longo da narrativa. E olha que as páginas da primeira parte com o Sam dando aquele abraço apertado e carinhoso no irmão são pura perda de tempo e embromation do gibi. A maior parte do gibi é reflexivo, com o Sam e suas dúvidas de merda, ou então se prende a discurso político, que é uma boa coisa, mas ainda tá na faixa do bem elementar. O bom de tudo é que não é panfletário.





    Na arte temos um Daniel Acuña bem bom. Eu já tava meio enjoado da arte desse cara desde lá em Fabulosos Vingadores com o Remender, mas ou a narrativa do Spencer é melhor (o que é mesmo) ou um tempo deixando descansando ajuda a melhorar a vista. O Capitão ainda conta com a ajuda de Misty Knight, chata pra caralho, e o Demolição que é aquele personagem do caralho, mas que sempre vai ser deixado de lado porque o roteirista acha que geral tá viajando na relação entre Misty Knight e Sam Wilson, que pensando bem são dois chatos de galocha e se complementam.





    Seguirei acompanhando pra ver se esse pássaro voa ou cisca.



  • #2
    Re: [AVALIAÇÃO] Capitão América #1 - NOVA REVISTA MENSAL. Capitão América Sam Wilson - FALCÃO OU URU

    eu vou malhar com a camisa do capitão américa e super calvo, essas aqui, que já contei:




    Aí o instrutor mais gente fina da academia é um negão foda, uma montanha de músculo e um amor de pessoa como poucos que eu conheço, e veio desabafar que pra mim é fácil ir vestido de capitão e superman, pois ambos são super-heróis brancos que nem eu. Que não tem um super-herói fodão negro que ele possa vestir camisa

    Tentei argumentar, dizer que tem herói negro sim, dei lá os exemplos de Pantera, Tempestade, Falcão, Máquina de Combate. Ele perguntou "E QUAL TEM FILME SÓ DELE?!". Tirei um BLADE do bolso (esqueci de falar do Luke Cage), ele prontamente replicou que queria um que fosse dos Vingadores ou da Liga. Reclamou que até o Lanterna do desenho era negro e no filme ficou branco.

    Aí não tem argumento mesmo, e pela primeira vez vi de perto o quão faz falta pro civil essa questão da representatividade.

    Perguntei se ele gosta de gibis, ele disse que gostava, mas parou de comprar anos atrás porque achava caro

    Pensei em dar de presente esses gibis aí do falcão capitão américa, as edições que compilassem um arco completo (claro, ia dar depois que eu mesmo lesse ). Dá pra quem não acompanha pegar de boa a história, só partindo do pressuposto de que o Sam agora é capitão?
    Last edited by FLUFFY; 08-06-2017, 06:36 PM.

    Comment


    • #3
      Re: [AVALIAÇÃO] Capitão América #1 - NOVA REVISTA MENSAL. Capitão América Sam Wilson - FALCÃO OU URU

      Postado originalmente por FLUFFY Ver Post
      eu vou malhar com a camisa do capitão américa e super calvo, essas aqui, que já contei:




      Aí o instrutor mais gente fina da academia é um negão foda, uma montanha de músculo e um amor de pessoa como poucos que eu conheço, e veio desabafar que pra mim é fácil ir vestido de capitão e superman, pois ambos são super-heróis brancos que nem eu. Que ele não tem um super-herói fodão negro que ele possa vestir camisa

      Tentei argumentar, dizer que tem herói negro sim, dei lá os exemplos de Pantera, Tempestade, Falcão, Máquina de Combate. Ele perguntou "E QUAL TEM FILME SÓ DELE?!". Tirei um BLADE do bolso (esqueci de falar do Luke Cage), ele prontamente replicou que queria um que fosse dos Vingadores ou da Liga. Reclamou que até o Lanterna do desenho era negro e no filme ficou branco.

      Aí não tem argumento mesmo, e pela primeira vez vi de perto o quão faz falta pro civil essa questão da representatividade.

      Perguntei se ele gosta de gibis, ele disse que gostava, mas parou de comprar anos atrás porque achava caro

      Pensei em dar esses gibis aí do falcão capitão américa, as edições que compilassem um arco completo (claro, ia dar depois que eu mesmo lesse ). Dá pra quem não acompanha pegar de boa a história, só partindo do pressuposto de que o Sam agora é capitão?
      Seria sensacional mesmo se você o presenteasse com esse gibi. E falando como negro aqui e que entende essa questão. Eu li em scan, mas perdi o bonde da mensal, se eu achar as primeiras capaz de acompanhar, pois só acho a 2 nas bancas.

      Aliás acho que nos filmes deveriam seguir, se o Chris quiser dar um tempo, bota o Bucky, depois o Falcão. Quase um rodízio, e um filme o Sam como Cap iria trazer muita discussão e promoção em cima do contexto Trumpiniano.

      Comment


      • #4
        Re: [AVALIAÇÃO] Capitão América #1 - NOVA REVISTA MENSAL. Capitão América Sam Wilson - FALCÃO OU URU

        Esse foi outro título que não me animou. Acho que já é a décima vez que outra pessoa se torna o Capitão América e a terceira vez que o Falcão veste o uniforme. Reciclar idéias, tudo bem, mas reciclar demais não dá.

        E já cansei dos desenhos do Acuña.

        Comment


        • #5
          Re: [AVALIAÇÃO] Capitão América #1 - NOVA REVISTA MENSAL. Capitão América Sam Wilson - FALCÃO OU URU

          Postado originalmente por FLUFFY Ver Post

          Pensei em dar de presente esses gibis aí do falcão capitão américa, as edições que compilassem um arco completo (claro, ia dar depois que eu mesmo lesse ). Dá pra quem não acompanha pegar de boa a história, só partindo do pressuposto de que o Sam agora é capitão?
          Rapaz, que dá, dá. O Sam é Capitão desde antes das Guerras Secretas num arco publicado em Vingadores: os Heróis Mais Poderosos quando o Steve tinha acabado de envelhecer. Só não sei se o cara vai curtir a história que não tem lá muita porrada que preste, tem mais o Sam fazendo birra pro Steve e um ou outro fazendo birra pro Sam de volta.

          Postado originalmente por Iron-Man Ver Post
          Esse foi outro título que não me animou. Acho que já é a décima vez que outra pessoa se torna o Capitão América e a terceira vez que o Falcão veste o uniforme. Reciclar idéias, tudo bem, mas reciclar demais não dá.

          E já cansei dos desenhos do Acuña.
          eu tô com até a edição #3 aqui, vou ler e ver no que dá. Até porque como vai até a edição #6 americana acho que completa um arco (acho porque a norma agora é mudar a quantidade de partes dos arcos).

          Desenho do Acunã é foda mesmo, parece massa de modelar, o cara fica até meio enjoado lendo, mas acho que o roteiro permite que ele coloque mais expressões faciais, então acho que tá legal.

          Comment


          • #6
            Re: [AVALIAÇÃO] Capitão América #1 - NOVA REVISTA MENSAL. Capitão América Sam Wilson - FALCÃO OU URU

            Postado originalmente por Pato_Osborn_Olsen Ver Post
            Só não sei se o cara vai curtir a história que não tem lá muita porrada que preste, tem mais o Sam fazendo birra pro Steve e um ou outro fazendo birra pro Sam de volta.
            vc ta falando q o maluco não vai curtir gibi de alfabetizado pq é negro ou pq é marombeiro?
            fotografia é desenho de luz

            Comment


            • #7
              Re: [AVALIAÇÃO] Capitão América #1 - NOVA REVISTA MENSAL. Capitão América Sam Wilson - FALCÃO OU URU

              E já cansei dos desenhos do Acuña.
              um dos melhores da marvel hj.

              Acho que já é a décima vez que outra pessoa se torna o Capitão América
              bom, teve aquele retcon dos QUATRO CAPITÃES AMERICA, né ?

              depois que eu me lembro foi o John Walker, depois o Winter Soldier e hoje o Sam Wilson. Sete pessoas se contar com o Steve.

              Comment


              • #8
                Re: [AVALIAÇÃO] Capitão América #1 - NOVA REVISTA MENSAL. Capitão América Sam Wilson - FALCÃO OU URU

                Postado originalmente por Diana de Themyscira Ver Post
                um dos melhores da marvel hj.
                Bom, eu continuo não gostando. Nas primeiras histórias desenhadas por ele, até achei interessante. Mas ele não mudou e ficou enjoativo para mim.

                Postado originalmente por Diana de Themyscira Ver Post
                bom, teve aquele retcon dos QUATRO CAPITÃES AMERICA, né ?

                depois que eu me lembro foi o John Walker, depois o Winter Soldier e hoje o Sam Wilson. Sete pessoas se contar com o Steve.
                Falei uns 10 porque já vi várias vezes e não um número exato. Mas vamos lembrar deles:

                Além do Steve, lembro que tiveram o Isaiah Bradley, o Independente (William Naslund), o Patriota (Jeff Mace), Capitão da década de 50/Grande Ditador (William Burnside), um halterofilista chamado Roscoe na época que o Steve era o Nômade, da fase pulada pela Abril, que agiu junto com o Falcão e foi morto pelo Caveira Vermelha.

                O Agente Americano/John Walker.

                O Sam já usou antes em um arco curto da revista Captain America: Sentinel of Liberty e agora por mais tempo.

                O Bucky/Soldado Invernal (essa fase foi muito boa).

                Só que eu acho que não precisa ficar trocando. Bucky é muito melhor como Soldado Invernal, assim como o Sam é muito melhor como o Falcão.

                Comment


                • #9
                  Re: [AVALIAÇÃO] Capitão América #1 - NOVA REVISTA MENSAL. Capitão América Sam Wilson - FALCÃO OU URU

                  Alô, vc
                  alô, brasil
                  Chegaaaando
                  A nova mensal da Panini começa boa, amigos.
                  Quem procura o senso de urgência do Capitão do Brubaker vai se decepcionar. Mas o gibi flui e até a arte do Acuña está legal, mais estilizada.
                  As duas primeiras histórias realmente exageram nesse recurso narrativo não linear que o Pato falou.
                  Ainda assim, o Falcão ensanduichado na fileira do meio no avião tem um propósito na história e ajuda a pontuar diferenças entre ele e o Stivin - que aposto que pede favor pra JBS, mas não enfrenta fila pra voo comercial.


                  Cage mandando um: ahã, Paladino da Liberdade, heroizão do povo, blza, última vez que pisou no gueto foi em 1925

                  As duas histórias que a Panini compilou nessa estreia me lembraram a passagem do Gruenwald, só que com uma narrativa mais moderna e um claro fundo político.
                  A arte do Acuña melhorou muito aqui, principalmente considerando as passagens ruins em Novos Vingadores e Lanterna Verde como filler.
                  Sobre o Spencer... Se em Superior Foes ele mostrou que sabe escrever, aqui ele parece aproveitar para se divertir um pouco. Tem até splash page reunindo vários quadrinhos com o rosto dos personagens com a mesma expressão que o ídolo dele sempre faz.


                  Mas Bendis continua sendo herói por mandar essa até na capa

                  No geral, a estreia é divertida, nota 8. Que venham os próximos números
                  De ponto negativo: minha capacidade de deixar gibi na mochila quando chove, agora tem que esperar essa caralha secar para ver se salva.

                  Comment

                  Working...
                  X