Anúncio

Collapse
No announcement yet.

O Tempo é o Senhor da Razão!!

Collapse
X
 
  • Filter
  • Hora
  • Show
Clear All
new posts

  • O Tempo é o Senhor da Razão!!

    Dizem que o tempo cura todas as feridas e apaga todas as mágoas. Em relação aos gibis, isso é verdade também?

    Existe alguma história que na primeira vez que vc leu, odiou, porém mais tarde, com outros olhos, achou que a coisa não era tão ruim assim? Há alguma little thing que depois vc enxergou como um masterwork?

    Começo com uma recente: For Tomorrow. Influenciado pelo desgosto que tive com Broken City e pela narrativa lenta, estava odiando o trabalho do Azzarello no Superman. Deixei quieto. Depois que o arco terminou, li tudo de uma tacada só e achei muito bom.

    Façam seus relatos. Depois eu volto.

  • #2
    Por incrível que pareça, isso aconteceu comigo no Monstro do Pântano do Moore. Eu ia lendo as histórias do elemental como meras coadjuvantes isoladas na revista dos Superamigos até que um dia eu percebi que elas faziam parte de um conjunto maior. Daí reli tudo de novo e achei o máximo.
    Paz e amor...só tranquilidade.

    Comment


    • #3
      De cabeça eu me lembro de Heróis sem poderes...de primeira eu odiei aquilo, coisinha tosca, feia, mal feita...mas fui dando mais atenção a história e me desprendendo daquele rabisco, e não é que no final eu gostei e muito..
      Postado originalmente por FLUFFY
      Gosto do MBB por isso. As coisas mais bobas do mundo sempre ganham proporção de tragédia grega

      Comment


      • #4
        Corto Maltese.. eu li quando moleque e achei a coisa mais chata do mundo..
        Mas agora acompanhando os livros da Pixel, as histórias estão bem mais simpáticas e interessantes..

        Comment


        • #5
          Orquídea Negra.
          Não vale a pena ler aquilo com 13, 14 anos.

          Comment


          • #6
            Elektra Assassina. quando lia a primeira vez não dei muita atenção, achava os desenhos estranhos e os personagens não me diziam nada.

            quando reli, sabia quem era quem, já gostava do 5e20 e tudo mais ...
            Isso é só uma brincadeira ...

            Comment


            • #7
              Cavaleiro das Trevas. A primeira vez que li achei um saco, porém, quando reli alguns meses atrás achei excelente.

              Comment


              • #8
                Tudo que era ruim quando li aos 12 anos continua ruim até hoje.

                Comment


                • #9
                  Postado originalmente por FLUFFY
                  Tudo que era ruim quando li aos 12 anos continua ruim até hoje.
                  Você continua com 12 anos, Fluffy.
                  Paz e amor...só tranquilidade.

                  Comment


                  • #10
                    Que eu me lembre.....nada.
                    Até porque não fico relendo gibi.

                    EDIT: Lembrei de um. Motoqueiro Fantasma 2099. Zero Cochane ROX

                    Comment


                    • #11
                      em geral me acontece exatamente o contrário.
                      algumas histórias que gostei quando li originalmente, me decepciono em uma segunda leitura.

                      tem a ver com o valor sentimental de ler algo que parece novo quando se é adolescente.
                      "Watchmen foi uma revista sem sentido belamente ilustrada."
                      John Byrne

                      "O futuro me parece mais promissor a cada cerveja que eu bebo."
                      David Lee Roth

                      Comment


                      • #12
                        Postado originalmente por Destro
                        Lembrei de um. Motoqueiro Fantasma 2099. Zero Cochane ROX


                        E em verdade vos digo: Quarteto do Byrne. Achava um saco, inclusive os desenhos do véio doido. Hoje em dia é uma das minhas leituras preferidas, muita diversão e alegria.
                        Inscreva-se na ALMANACÃO, minha newsletter sobre quadrinhos > http://eepurl.com/b3_M4v

                        Comment


                        • #13
                          Postado originalmente por Mr. Glum
                          Elektra Assassina. quando lia a primeira vez não dei muita atenção, achava os desenhos estranhos e os personagens não me diziam nada.

                          quando reli, sabia quem era quem, já gostava do 5e20 e tudo mais ...
                          O mesmo comigo. Pra mim artistas de hq eram só o Byrne e o Miller, e na época achava a arte do Sienkiewicz um lixo.

                          Comment


                          • #14
                            Acho que o run do Mike Baron no Justiceiro, no começo eu achei uma bosta, mais ai passou os anos e reli, continue achando uma bosta, ai passou mais uns anos e reli, achei mediano.

                            Comment


                            • #15
                              Bom, falando de histórias antigas, eu detestava o Mestre do Kung Fu que era publicado no início de Heróis da TV. Eu achava muito tosco o personagem, que não tinha superpoderes e não usava uniforme, apenas um quimono.

                              Fui rever minha posição uns dois anos mais tarde, lá por CA 29, em uma saga longa que se alternava entre Capitão América e HTV, e terminava no espaço. Gostei da saga, reli as outras e percebi que estava menosprezando um dos melhores personagens da Marvel nos anos 70.

                              Por outro lado, eu nunca fui com a cara da Sociedade da Justiça, na DC. Nem comprava a revista da Liga. Depois de tanto ouvir elogios e mais elogios de pessoas confiáveis aqui do MBB, resolvi ver o que o Geoff Johns estava fazendo. Li algumas histórias, e continuei não gostando do grupo, que bem faz por merecer as críticas do Dread.

                              Comment

                              Working...
                              X