Anúncio

Collapse
No announcement yet.

[A Mortchyyyy!] Os melhores Funerais das hqs!

Collapse
X
 
  • Filter
  • Hora
  • Show
Clear All
new posts

  • [A Mortchyyyy!] Os melhores Funerais das hqs!

    Bom, vamos falar do momento doloroso do enterro de alguém que você ama muito. No caso um personagem favorito das hqs... É triste a dor do parto...

    O melhor funeral que já li, por incrível que pareça, foi o do Nick Fury, escrito pelo Peter David na revista do Hulk, pouco antes do Massacre... A maioria dos heróis Marvel estavam presentes... Logan deu uma passadinha... O Hulk foi fuzilado por olhares mortais dos presentes e no final os Howling Commandos velhinhos, como bons personagens secundários se perguntando o que fariam agora que ele morreu... E chegam a conclusão de que iriam sumir...

    Outro funeral legal é o primeiro da Jean... Do Claremont e do Byrne, com o Cyke refletindo sobre a trajetória dos X-Men...

    Putz... falando nisso, será que o capitão terá um funeral digno pelo menos, ou o Stark vai usar ele em seus perigosos jogos mentais??? O corpo dele já deve estar putrefato a uma hora dessas e não enterram o coitado!

  • #2
    Vamos falar de quadrinhos?...

    Comment


    • #3
      Eu lembro da primeira vez q li o funeral do Super, quando o Batman prendeu os bandidos fazendo uma homenagem ao Azulão...
      Nem tá mais aqui quem falou...

      Comment


      • #4
        O do Guardião.
        Especialmente aquele que foi só um sonho da Heather.

        Comment


        • #5
          Postado originalmente por Leandro Azeredo
          O do Guardião.
          Especialmente aquele que foi só um sonho da Heather.
          Putz essa foi a primeira história com o Wolverine que eu vi na minha vida... Lembro que fiquei até com medo... Hoje eu vejo como eu era idiota... Ficar com medo de um personagem de bosta desses...
          Stampede.
          Humanoid Typhoon.
          Sixty Billion Double Dollar Man.
          Natural Human Disaster.
          Act Of God.

          Comment


          • #6
            O do Superman, claro. O mundo todo parou para prestigiar o grande herói que tombou, até o clima ficou de luto, os herois usaram uma tarja preta para expressar seu pesar. Foda

            Comment


            • #7
              Por mais legais que sejam, todos os funerais acabam perdendo o brilho sempre que teimam em trazer os mortos de volta a vida.

              Comment


              • #8
                O do Superman é sensacional, aquela imagem do cortejo dos heróis é muito bonita e marcante. Foi o único que me deixou deprimido de verdade.

                Nessa época eu era apenas um menino e achava que ele tinha batido as botas pra sempre mesmo.

                3 meses depois descobri como um leitor de gibi pode ser facimente ludibriado.
                Blame it on the Bossa Nova.

                Comment


                • #9
                  O do Superman foi foda, ainda mais com a história da Morte contra o Apocalispe, que foi algo triste bagarai.

                  Comment


                  • #10
                    Do super, lógico!!!
                    [

                    Comment


                    • #11
                      Momento doloroso foi ótimo.

                      Geralmente eu não me importo muito com mortes, principalmente quando o presunto é um personagem importante que você sabe que irá voltar mais cedo ou mais tarde.

                      Me lembro que quando o Scott Lobdell matou porcamente o Colossus, eu não me importei nem um pouco, por mais que gostasse do personagem. O mesmo aconteceu com outros como Reed Richards, o Nick Fury que o Fiduma citou, a Mary Jane (no avião), Jean Grey (pelo Morrison), Banshee e mais um punhado de gente “importante” que acaba voltando... Achei todos esses um desperdício...

                      Mas quando um personagem bom, porém sem muita importância para a existência do título, morre, aí sim eu acabo me importando um pouco com a sua (dele) vida. A que eu mais gostei até hoje foi a da Marlo, na revista do Hulk (#150 da Abril, salvo engano). Bem, ela não chegou a morrer de verdade e nem teve um funeral, mas aquela história mexeu comigo e eu passei a revista inteira torcendo pra ela sair viva da casa daquela velha presepeira. Foi emocionante... Aliás, muito boa aquela fase do Hulk!!!

                      Agora, com certeza o pior funeral de todos os tempos foi o do Joseph, um zé mané completo. Quem se importa?

                      Abraço,

                      Comment


                      • #12
                        Destaco o do Super, pela importância.

                        Agora, IMHO, o mais impactante foi o da Sue Dibny. Pô, o Ralph não conseguindo controlar os poderes dele foi uma das imagens mais emocionantes que eu já li em uma hq.

                        Chifradas,

                        Não importa o quanto você se esforce, é impossível ser cool em Belém do Pará

                        Comment


                        • #13
                          Ah, o lance do Ralph foi sinistro mesmo. Só podia ser coisa da cabeça do Meltzer mesmo.

                          O funeral do Jericó tb foi bacana. O Dick dizendo que o medo deles era morrer como o Joey, sem controle, sem poder lutar, foi triste à beça.

                          Comment


                          • #14

                            Comment


                            • #15
                              Além da cena do Ralph boca mole ser bem babaca, achei o desenhista de Crise de Identidade muito ruim.

                              Gostei mais do funeral do Arqueiro Verde, em A Busca. Daí sim, gibizão massa.
                              Inscreva-se na ALMANACÃO, minha newsletter sobre quadrinhos > http://eepurl.com/b3_M4v

                              Comment

                              Working...
                              X