Anúncio

Collapse
No announcement yet.

SUPER-HERÓIS BRASILEIROS v.2

Collapse
X
 
  • Filter
  • Hora
  • Show
Clear All
new posts

  • Na época, divulgaram uns concepts e storyboards

    Fábrica de Quadrinhos produz fotogibi da Tiazinha

    Por Equipe UHQ
    1 dezembro 2001


    Suzana Alvez volta a encarnar mais uma vez o papel de seu alter-ego, a Tiazinha, para estrelar o mais novo projeto gráfico da Fábrica de Quadrinhos - As Aventuras Eróticas de Tiazinha (28 páginas, R$ 6,40). A revista foi desenvolvida em conjunto com a Playboy, da Editora Abril, e já se encontra nas bancas de todo o País.

    Trata-se de um fotogibi, que mescla a linguagem dos quadrinhos e da tradicional fotonovela com modernos recursos de computação gráfica em 3D, incluindo tratamento e renderização de imagens com softwares Photoshop, Maya e Max. Um dos destaques da edição é a interação de atores reais com cenários virtuais.

    Na história, a sexy heroína se vê as voltas com vampiros que atacam em plena luz do dia, graças ao uso de protetores solares.

    Não é a primeira vez que a Fábrica de Quadrinhos e Suzana Alves trabalham juntos. O estúdio produziu os efeitos especiais utilizados na série de TV As Aventuras de Tiazinha, que era estrelado pela musa na Rede Bandeirantes, em 1999. Um making-of do álbum pode ser conferido em www.playboy.com.br.

    http://universohq.com/materias/fabri...i-da-tiazinha/
    Quadripop, o blog de Quadrinhos e cultura pop
    http://quadripop.blogspot.com
    Releitura de personagens americanos ao redor do mundo.
    http://highcomics.blogspot.com/

    Comment


    • Mas nāo lançaram. E isso daí parece storyboatd do seriado que teve até um cover do Sandman

      Comment


      • Postado originalmente por x-eteano Ver Post


        Acho que não teve HQ dela só a fotonovela:

        Teve sim, amiche.

        É porque mudaram o nome e uns detalhes na adaptação em quadrinhos


        Em breve...
        __________________________________________________ _________________

        Comment


        • ah, o saudoso emir ribeiro, este grande cara de pau. por onde anda? não tem mais nem publicado a edição da velta que roalva de 10 em 10 anos.
          Giovanni Giorgio

          Comment


          • Postado originalmente por Louxas Ver Post
            ah, o saudoso emir ribeiro, este grande cara de pau. por onde anda? não tem mais nem publicado a edição da velta que roalva de 10 em 10 anos.
            As MESMAS histórias...só muda o ano de comemoração: 15, 20, 25, 30, 35 anos

            Comment


            • Postado originalmente por SUPERPATO Ver Post

              As MESMAS histórias...só muda o ano de comemoração: 15, 20, 25, 30, 35 anos
              É bem por aí. Emir é o Roberto Carlos da hq do super nacional, mas ao invés do especial de fim de ano é mais espaçado, voltando do sono criogênico a cada 5 anos. Eu mesmo fiquei tempos sem voltar ao MBB, esqueci senha e troquei de login tintin vezes, mas esse tópico continuou preservado em âmbar no bucho de um mosquito pré-histórico e igual sempre

              Os Franceses e Belgas se dão bem com seus Asterix e Titn-tim. Britânicos tem Tank girl e Juiz Dredd. Mas o Brasil continua firme nessa obsessão de emular os Vingadores e Liga da Justiça.
              Tudo parece algum genérico de algo que lá fora, já foi pisado e repisado. Lá fora já descontruíram e criticaram os Supers, já resgataram e homenagearam os Supers versão clássica, já bateram com ovos, canela, açucar, mel, limão , vodka, creme de barbear, beterraba...os diabos. E aqui tudo ainda soa como uma chupinhação da Image dos anos 90, que já era chupinhação de tudo.

              Aí você vê o Japão. Pega um trem tosco como um Jiban , a versão sugada até o tutano do osso do Robocop americano. Mas, gostando ou achando bizonho, você bota os olhos naquilo e é um troço Japonês pra cacilda, que só poderia brotar na mente de um Japa-raio-Laser daquelas bandas e em nenhum outro lugar.
              Eles realmente conseguem botar a mão em algo de fora e transformar em cultura local...

              Aliás, tá cheio de super-heróis nos mangás e animes, mas em por isso os chamamos de quadrinhos de super-heróis , pois a identidade cultural do meio supera rótulo do gênero(eles têm os próprios rótulos).
              Já o criador de hq de super herói Brasileiro não entende o brasileiro, não sabe botar o personagem dele atravessando a rua e indo na padaria comprar pãozinho, que dirá indo pro alto e avante. "Por que alguém num país como o nosso, ao adquirir super poderes iria lutar pela justiça, ordem , pelos fracos ou algo parecido? Qual seria o impacto de um super-herói numa civilização, não lá muito séria, que mesmo caminhando para o meio milhão de mortos numa pandemia fica dançando o bundalelê nas raves e churrascadas da laje ?"

              Sem responder a estas e outras perguntas o projeto furado do super Br vai ficar na eterna emulação dos comics e nas incontáveis versões do Capitão Brasil.
              E , na minha opinião, a coisa só vai se resolver (se tanto) no mercado audiovisual. Não por este ser mais promissor, mas porque o mercado de gibi de banca já encolheu além de qualquer salvação pra tentar engajar atenção pra um personagem a nível nacional.

              Comment


              • Postado originalmente por Louxas Ver Post
                ah, o saudoso emir ribeiro, este grande cara de pau. por onde anda? não tem mais nem publicado a edição da velta que roalva de 10 em 10 anos.
                50 anos está sendo preparado e startará o mercado em 2023! Vai ser a maior comemoração da história pavimentada do Brasil!

                Por enquanto, ainda tem edições de 45 anos para vender (e 40, 35, 30, 25...)






                Em breve...
                __________________________________________________ _________________

                Comment


                • herói

                  Comment


                  • Michèlle, a Vampira # 1 e # 2 (formato 16 x 23 cm, 24 páginas) é uma personagem criada por Emir Ribeiro (Velta) nos anos 1970 e publicada em tiras no jornal A União (Paraíba). A sua primeira história saiu em novembro de 1977. Inspirado pelo selo Capitão Mistério, o autor criou a personagem vampiresca com etnia francesa e ambientou-a no Brasil Colonial, fugindo dos clichês habituais e temperando a série com brasilidade.

                    A personagem retorna em histórias inéditas, como A Maldição de Kétaris, que começa a amarrar algumas pontas soltas na cronologia além de trazer o começo de uma nova saga. Colaboração de Laudo Ferreira e Omar Viñole.
                    http://universohq.com/noticias/quadr...tomic-editora/
                    Last edited by Quiof Thrul; 06-05-2021, 07:08 AM.
                    Quadripop, o blog de Quadrinhos e cultura pop
                    http://quadripop.blogspot.com
                    Releitura de personagens americanos ao redor do mundo.
                    http://highcomics.blogspot.com/

                    Comment


                    • Emir Ribeiro... putaqueopariu, vocês tem coragem mesmo!
                      A cada dia que passa, o Apocalipse deixa de ser um medo e se torna uma esperança

                      Comment


                      • Gostei do Homem-Chiclete hue.

                        Acho que porque o autor tentou algo diferente.

                        Talvez Homem-Slime seria mais rentável.

                        E menos nojento também.
                        Last edited by Lxtab; 06-05-2021, 04:32 PM.

                        Comment


                        • também achei legal, mas senti uma vibe meio Homem-Borracha!
                          Mas o desenho e a diagramação da página estão bons.

                          Comment


                          • Verdade, homem-slime pegaria toda uma geração aí.

                            Comment


                            • "Plague, Inc" de super-heróis: conheça o jogo brasileiro Hero Among Us
                              Quadripop, o blog de Quadrinhos e cultura pop
                              http://quadripop.blogspot.com
                              Releitura de personagens americanos ao redor do mundo.
                              http://highcomics.blogspot.com/

                              Comment

                              Working...
                              X