Anúncio

Collapse
No announcement yet.

SUPER-HERÓIS BRASILEIROS v.2

Collapse
X
 
  • Filter
  • Hora
  • Show
Clear All
new posts

  • SUPER-HERÓIS BRASILEIROS v.2

    Postado originalmente por Quiof Thrul
    JOU VENTANIA - O LIVRO
    Livro
    Jou Ventania - O Super-Herói Brasileiro
    de Lincoln Nery
    Por apenas R$ 29,01
    Saiba mais: http://www.agbook.com.br/book/40798--Jou_Ventania
    Um homem comum, com todos...
    Os defeitos que nós temos
    Recebe uma missão sagrada.
    Limpar uma cidade corrupta
    Envolvida em trevas e maldade.
    Mas, será ele bom o bastante para
    Cumprir a missão?
    Um homem, um...
    Guerreiro, um lutador, que tem uma...
    Missão.
    É a luta de uma cidade, para salvar almas...
    E vidas.
    Para isso, ele terá que enfrentar o mal dentro...
    De si mesmo.
    Conheça Jou Ventania.
    http://lincnery.blogspot.com/2011/03...a-o-livro.html
    Lançamento: Jou Ventania para 3D&T
    “HERÓI? NÃO. APENAS ALGUÉM QUE NÃO ACEITA AS COISAS COMO ESTÃO” – JOU VENTANIA

    A Editora Virtual Infinitum publicou um novo cenário de RPG. Direto das páginas dos quadrinhos de Lincoln Nery para sua mesa de RPG, o herói brasileiro Jou Ventania está disposto a varrer de sua cidade natal os criminosos e corruptos.


    No melhor estilo “Super Heróis“, Jou Ventania é o vigilante mascarado com a missão de proteger a cidade de Vencesleng, uma ilha fluminense cheia de mistérios, rodeada de mafiosos, policiais corruptos e traficantes de todos os tipos.

    Os jogadores, encarnando heróis com superpoderes, policiais ou agentes, lutarão para livrar a cidade de facções criminosas à beira de uma guerra nas favelas, organizações governamentais duvidosas, super-humanos terroristas e até mesmo criaturas sobrenaturais.

    O livro adiciona informações jamais reveladas na HQ, trazendo novidade aos leitores e fãs. Oferece a geografia detalhada e o histórico de Vencesleng, bem como descrição de seus principais bairros e pontos. Um mapa mostra as ruas, avenidas, residências de personagens importantes, praias, parques, florestas e tudo para você não se perder nas tortuosas ruas da cidade das trevas radiantes.

    Além de um ótimo cenário para sua mesa, é uma interessante leitura do gênero de heróis.

    E o melhor: É de graça!

    Jou Ventania para 3D&T
    Baseado na criação de: Lincoln Nery
    Adaptação: Willian Marinho
    35 Páginas
    Editora: Virtual Infinitum
    Formato: e-book
    Lançamento: 12/02


    Download grátis aqui

    http://editorainfinitum.com.br/jouventania/



    Quer lançar um produto com Jou Ventania? Entre em contato; [email protected]

    http://lincnery.blogspot.com/2011/02...a-para-3d.html


    Postado originalmente por Gesuis
    Eu, um cara com certo conhecimento e bagagem, que é ligado em música nem sabia que um deles tinha morrido, de tão relevante que eles são.
    Comentando sobre os Beastie Boys


    www.twitter.com/matheuslaneri

    Siga-me!

  • #2
    um novo tópico e esses merdas continuam os merdas megalomaníacos de sempre.

    parabéns.

    80-82-83-87-92-09

    Comment


    • #3
      Mas nem de graça, camarada!

      Comment


      • #4


        Só os melhores.

        Comment


        • #5
          Putz, sério que esse cara quer ser levado a sério com "Jou Ventania"? Que coisa ridícula...
          "THEY DREW FIRST BLOOD, NOT ME."

          Comment


          • #6
            quadrinho brasileiro tudo ruim se comparado com obras franco-belgas. ate o chocolate é melhor do que o nosso.
            Je suis Charlie

            Comment


            • #7
              kinder ovo é bom.
              Giovanni Giorgio

              Comment


              • #8
                Não li o V.1 , mas o Capitão Presença foi citado ?
                " Nascerà qui al ristorante "L'olorogio", ritrovo di artisti, e sarà per sempre una squadra di grande talento. Questa notte splendida darà i colori al nostro stemma: il nero e l"azurro sullo sfondo d"oro delle stelle. Si chiamerà Internazionale, perchè noi siamo fratelli del mondo."

                Comment


                • #9
                  JOU VENTANIA?... não obrigado

                  Comment


                  • #10
                    http://jupiter2hq.blogspot.com/

                    SURGE REAÇÃO, O SUPER-HERÓI REACIONÁRIO!



                    Reação é o nome do novo personagem lançado com o selo Júpiter II, super-herói ifanto-juvenil criado por José Salles e ilustrado por William Cabral (artista de rua de São Paulo, tendo estreado nas páginas dos gibis da Júpiter II no mês passado, no terceiro número do Blenq). Na capa (desenhada por Cabral e colorizada por Dennis Oliveira) vocês podem ler a frase “surge um novo super-herói”, mas na verdade não há nada de novo em Reação, que é uma tentativa deliberada do autor em mostrar um super-herói como nos tempos passados dos gibis. Por isso será fácil identificar características de personagens clássicos dos comics revestindo este novo super-herói da Júpiter II. Desta forma, Reação é, como o próprio nome diz, uma reação contra o que vem sendo feito com os super-heróis dos gibis nos dias de hoje, onde são todos neuróticos, paranóicos, sádicos, estressados, rancorosos, odientos, etc. Reação não é nada disso, é um sorridente super-herói que tem tudo para agradar especialmente aos leitores mais jovens, cativando-os e, quem sabe, tornando-os novos leitores de gibis, jovens fãs de Histórias-em-Quadrinhos. Este primeiro número apresenta 24 páginas em p&b mostrando a origem do herói. Pedidos para [email protected]

                    Esse José Salles da Jupiter II é tão analfabeto que não conhece nem o significado da palavra "reacionário"...

                    Comment


                    • #11
                      Postado originalmente por Duncan Idaho

                      Mal surgiu e já foi plagiado!!! Gringos sem vergonha!!!

                      Comment


                      • #12
                        Postado originalmente por Duncan Idaho
                        http://jupiter2hq.blogspot.com/

                        SURGE REAÇÃO, O SUPER-HERÓI REACIONÁRIO!



                        Reação é o nome do novo personagem lançado com o selo Júpiter II, super-herói ifanto-juvenil criado por José Salles e ilustrado por William Cabral (artista de rua de São Paulo, tendo estreado nas páginas dos gibis da Júpiter II no mês passado, no terceiro número do Blenq). Na capa (desenhada por Cabral e colorizada por Dennis Oliveira) vocês podem ler a frase “surge um novo super-herói”, mas na verdade não há nada de novo em Reação, que é uma tentativa deliberada do autor em mostrar um super-herói como nos tempos passados dos gibis. Por isso será fácil identificar características de personagens clássicos dos comics revestindo este novo super-herói da Júpiter II. Desta forma, Reação é, como o próprio nome diz, uma reação contra o que vem sendo feito com os super-heróis dos gibis nos dias de hoje, onde são todos neuróticos, paranóicos, sádicos, estressados, rancorosos, odientos, etc. Reação não é nada disso, é um sorridente super-herói que tem tudo para agradar especialmente aos leitores mais jovens, cativando-os e, quem sabe, tornando-os novos leitores de gibis, jovens fãs de Histórias-em-Quadrinhos. Este primeiro número apresenta 24 páginas em p&b mostrando a origem do herói. Pedidos para [email protected]

                        Esse José Salles da Jupiter II é tão analfabeto que não conhece nem o significado da palavra "reacionário"...
                        Postado originalmente por Leandro Azeredo
                        Mal surgiu e já foi plagiado!!! Gringos sem vergonha!!!
                        a Educação do Brasil está perdida:
                        Você foi professor de história na rede estadual, não? Como foi essa experiência de ser docente?

                        Quanto a isso, a melhor resposta é que justamente não sou mais professor!!! Pois quanto tentei ser, mostrei ser, nesta área profissional, um tremendo fracasso! Mas de qualquer forma foi boa minha passagem pelo magistério, pois, graças a essa experiência, passei a respeitar mais ainda os professores.
                        http://www.bigorna.net/index.php?sec...&id=1265343394
                        lembrei desse:
                        http://homemescudo.multiply.com/journal/item/2

                        Jou Ventania é terrível, segundo o autor não é uma cópia do Batman:
                        http://lincnery.blogspot.com/2010/04...-ventania.html

                        o preço do livro é 29,01?
                        Quadripop, o blog de Quadrinhos e cultura pop
                        http://quadripop.blogspot.com
                        Releitura de personagens americanos ao redor do mundo.
                        http://highcomics.blogspot.com/

                        Comment


                        • #13
                          Como você avalia o Quadrinho Nacional hoje? Sem ufanismo barato, quais autores e quais Quadrinhos você realmente acha bom, realmente gosta e acha que realmente botam o Brasil no mapa dos Quadrinhos mundiais?

                          Acho que o Quadrinho Nacional passa por uma fase de grande entusiasmo! Me refiro aos Quadrinhos brasileiros independentes. São várias tendências e inúmeros lançamentos. Repare que todos os gêneros de revistas em Quadrinhos estão apresentando queda de leitores, queda de vendas (especialmente os Marvel/DC), somente os independentes nacionais é que vêm conseguindo aumentar as vendas, formando novos leitores. Nessa toada, o futuro nos pertence! São diversos os artistas que merecem admiração, respeito e consideração, não vou ficar citando pois certamente cometeria injustiças. Mas vamos lá, os autores que mais gosto são os da Júpiter II, né (risos)?

                          Comment


                          • #14
                            Dos heróis brasileiros, só dois prestam: Necronauta e El Caveira [da instinta HQ "Monstrologia", que era bem legal].

                            Comment


                            • #15
                              Antônio Cedraz busca parceiros
                              O quadrinhista baiano Antônio Cedraz, criador da Turma do Xaxado, está com um novo livro inédito na manga: O Melhor Amigo, trata-se de um álbum solo da personagem Marieta, uma amante do conhecimento, tendo como tema principal livros e leitura. Ao todo o gibi possui 48 páginas, formato 22 x 22 cm e é totalmente em cores. De acordo com o Cedraz, a intensão é contactar editores e/ou editoras interessados em publicar o material. A busca do autor se dá devida a dificuldade que ele tem em distribuir nacionalmente seus livros.

                              Interessados na parceria com o Cedraz podem solicitar um “boneco” do livro para análise através do email [email protected].
                              http://www.bigorna.net/?secao=noticias&id=1297303390

                              5º Concurso Cultural da Turma do Gabi
                              Estão abertas as inscrições para o 5º Concurso Cultural da Turma do Gabi – Desenho. Os interessados têm até o dia 30 de Junho para enviar suas ilustrações. Os três melhores trabalhos receberão um MP3 e um kit de revistas da Turma do Gabi (Ed. Júpiter II / EMT). Além do prêmio, haverá uma exposição com os trabalhos selecionados no Casarão Cultural entre os dias 04 a 31 de Julho.

                              Para participar é necessário desenvolver um trabalho em desenho com o tema Bichos e envia-lo para: Casarão Cultural Pau Preto, Rua Pedro Gonçalves, 477, Jardim Pau Preto, CEP: 13.330-210, Indaiatuba (SP). Inscrição gratuita e aberta a todas as crianças e jovens que vivem no país com idade entre 9 e 14 anos.

                              O Concurso Cultural da Turma do Gabi é realizado pelo EMT – Estúdio Moacir Torres, com o Apoio da Fundação Pró-Memória e Prefeitura Municipal de Indaiatuba (SP).
                              http://www.bigorna.net/index.php?sec...&id=1295405802
                              Antes que me acusem de plágio
                              Por Gonçalo Junior
                              23/02/2011
                              No dia 7 de dezembro de 2007, o Blog dos Quadrinhos, do jornalista Paulo Ramos, noticiou, sob o título “O terror está de volta aos quadrinhos. E em 2008 tem mais”, que eu (Gonçalo Junior) e Leônidas Greco pretendíamos lançar em breve a história em quadrinhos "A Cabeça da Noiva", com 140 páginas. “A trama transforma cangaceiros em zumbis”, resumiu Ramos.

                              Ele citava a introdução da trama: "Diz a lenda que você só extermina um cangaceiro se decapitá-lo". E prosseguia com uma descrição que lhe fora feita por Leônidas: "Depois de uma batalha em que dezenas de cangaceiros são mortos, três soldados são encarregados de decapitá-los, mas cometem um erro: não viram o corpo do chefe, que permaneceu com a cabeça."

                              O próprio blogueiro continuou: “O cangaceiro-chefe volta à vida na forma de zumbi e sai à caça das cabeças cortadas”. Mais uma vez, Leônidas: "Isso é feito, mas falta a da noiva do chefe, que fora levada antecipadamente para o comando da polícia como prova da missão cumprida". O resultado é uma guerra entre os macacos (como chamavam os polícias) e os zumbis cangaceiros.

                              Ramos observou ainda que nós havíamos feito uma prévia em vídeo, disponível em duas versões no youtube desde 21 de novembro de 2007, com 403 visualizações numa delas até a noite de hoje, 9 de fevereiro de 2010.
                              Relembro tudo isso preocupado em me antecipar a um fato que parece-me inevitável: quando essa HQ for publicada, talvez escrevam ou digam ou apontem algumas semelhanças com o premiadíssimo álbum “Bando de Dois”, de Danilo Beiruth, publicado no final do ano passado pela Zarabatana Books. E, quem sabe, digam que chupei essa belíssima graphic novel.

                              Ambas as histórias trazem cangaceiros como protagonistas. Ambas falam da busca por cabeças cortadas para que cangaceiros mortos encontrem seu descanso eterno. Nas duas histórias, as cabeças são levadas para a cidade num carro de boi. Não quero com isso tirar qualquer mérito do elogiado álbum, que gostei muito. Mas sinto a necessidade de deixar esse registro aqui.

                              Não deixa de ser curiosa outra coincidência. A abertura com páginas mudas de “Bando de Dois” traz um cangaceiro se arrastando pelo calor insuportável da caatinga, quando ele tem a visão do seu chefe, acompanhado de outros comparsas, que lhe pedem para recuperar suas cabeças. No meu álbum “Claustrofobia”, em parceria com o mestre Julio Shimamoto e publicado pela Devir em dezembro de 2004, há uma HQ de cangaceiros que começa mais ou menos assim: um sertanejo se arrasta com a mulher no calor insuportável do sertão, em busca de água. Ela morre e ele prossegue. Até que encontra um cangaceiro morto e tem uma alucinação, na qual ele passar a fazer parte de um bando de cangaceiros.

                              Repito, ao que me parece, tudo não passa de meras coincidências. E antecipo aqui a minha humilde defesa.

                              http://www.bigorna.net/index.php?sec...&id=1298496424





                              Gonçalo diz que história do irmão gêmeo do Claudio Seto é mentira:
                              http://hqalemdosbaloes.com/hq_pauta_palestra_6_2010.wmv
                              Quadripop, o blog de Quadrinhos e cultura pop
                              http://quadripop.blogspot.com
                              Releitura de personagens americanos ao redor do mundo.
                              http://highcomics.blogspot.com/

                              Comment

                              Working...
                              X